5 dicas do que fazer ou não fazer em casos de auditorias Microsoft

Atualizado: 13 de jul.

A tão temida auditoria Microsoft assusta muitas empresas. Mas nós da Raidbr estamos aqui para te ajudar nesse processo delicado que pode ocasionar em multas que custam até 100x mais que o valor da licença dos produtos licenciados.

Se você recebeu o e-mail da auditoria, fique atento ao que fazer ou não.

O que não fazer:

  1. Não ignore uma solicitação de revisão ou auditoria;

  2. Não tente adiar uma revisão ou auditoria por mais de 6 meses;

  3. Não realize uma desinstalação em massa de produtos Microsoft se você já estiver em uma auditoria;

  4. Não faça uma compra de licenças em massa para corrigir problemas de conformidade após a data de início da auditoria. Elas não contarão para o resultado da auditoria;

  5. Não passe pelo processo de auditoria ou revisão sem a experiência e o suporte Raidbr. Isso é fundamental para um trabalho tranquilo e seguro.

O que fazer:

  1. Responda o quanto antes a solicitação de auditoria ou revisão Microsoft;

  2. Aprenda com a experiência. Como você fará para impedir que essa situação ocorra novamente?

  3. Use informações precisas e atualizadas para ajudar a Microsoft e seus auditores;

  4. Mantenha sua documentação de TI sempre em dia, isso te ajudará no processo de otimização de licenças, deixando seu ambiente em conformidade e te auxiliando no processo de defesa em possíveis auditorias futuras.

  5. Entre em contato com um Parceiro Certificado Microsoft. A Raidbr está pronta para lhe ajudar neste processo!

Agora que você já conhece essas dicas, leia mais sobre a importância de manter seu sistema operacional atualizado. Lembre-se, siga essas dicas e conte sempre conosco em caso de auditorias Microsoft.

#Auditoria #microsoft

2 visualizações